• Alex Mandarino
    Alex Mandarino

    Alexandre Mandarino é escritor, tradutor e jornalista. Publicou contos de mistério (A Aventura do Penhasco dos Suicidas), fantasia (Hiriburu, O Círculo de Ossos) e ficção científica (O Rabo da Serpente, Fast-Forward/Rewind). Seu conto original em inglês, The Eye That Ate the Sky, foi publicado na antologia de horror Miseria’s Chorale, de 2013. Mandarino também é o editor da revista bilíngue Hyperpulp, dedicada a divulgar os melhores autores que transitam pelas fronteiras entre “alta literatura” e a melhor literatura “de gênero” — e a demonstrar, como ele acredita, que estas fronteiras são apenas uma invenção. Mandarino faz sua estreia como romancista com “O Caminho do Louco”, primeiro livro da trilogia Guerras do Tarot, publicado pela Avec Editora.

    • Alexey Dodsworth
      Alexey Dodsworth

      Alexey Dodsworth ganhou o Prêmio Argos em 2015 com “Dezoito de Escorpião” e em 2017 com “O Esplendor”. Mestre e doutorando em Filosofia pela USP e pela Universidade Ca-Foscari em Veneza, foi assessor especial no Ministério do Estado da Educação (MEC) e é pesquisador do Instituto de Estudos Avançados da USP no grupo de pesquisas “O Futuro nos Interpela”. Alexey estará na mesa sobre a ficção científica e inovação tecnológica.

      • Ana Cristina Rodrigues
        Ana Cristina Rodrigues

        É historiadora, escritora, editora, tradutora, funcionária pública. É autora de “Anacrônicas – contos mágicos & trágicos”. Tem contos publicados em antologias brasileiras e internacionais. Aqui no Brasil, já saiu pelas editoras Argonautas, Arte & Letra, Draco, Estronho, Jambô, Literata, Llyr, Ornitorrinco, Record, Tarja e Terracota. Na Casa Fantástica, Ana Cristina compartilhará sua experiência como editora da Aquário Editorial na mesa “Editores independentes: limites e possibilidades no mercado editorial brasileiro.”

        • Ana Lúcia Merege
          Ana Lúcia Merege

          Ana Lúcia Merege é descendente de fenícios e trabalha decifrando manuscritos na Biblioteca Nacional, no Rio de Janeiro. Também adora ir a escolas e eventos para falar de literatura. Publica pela Draco uma série de fantasia épica iniciada com “O Castelo das Águias”. Na mesma editora, organizou as coletâneas “Magos”, “Excalibur” e “Medieval”. Publicou também os romances juvenis “O Caçador” e “Pão e Arte”.  Venceu o Prêmio Argos de Literatura Fantástica em 2017, nas categorias Conto e Coletânea. Atualmente escreve uma série de contos e romances ambientados em Cartago e outros lugares do Mundo Antigo. Na Casa Fantástica, participará da mesa sobre sagas e trilogias na literatura fantástica nacional.

          • Ana Rusche
            Ana Rusche

            Doutora em Letras pela Universidade de São Paulo com a tese “Utopia, feminismo e resignação em The left Hand of Darkness (de Ursula Le Guin) e The Handmaid’s Tale (de Margaret Atwood)”. Coordenou os encontros Romances utópicos e moedas distópicas (2017 e início de 2018) na Tapera Taperá. Integra o grupo Fantástika 451. Escritora, seus último livros publicados são “Do Amor” (novela, Ed. Quelônio, 2018) e “Furiosa” (poesia, ed. autora, 2016). Estará na mesa “Cidadania fantástica: formação política na ficção científica e na fantasia”.

            • Andriolli Costa
              Andriolli Costa
              Jornalista sul-matogrossense e doutorando em Comunicação e Informação pela UFRGS. É editor do site O Colecionador de Sacis, especializado no folclore brasileiro. Organiza também a Mostra Curta Saci, evento que une contação de histórias e audiovisual com foco em narrativas sobre o duende nacional. Produz ainda o Folclore Nu, projeto de nu artístico inspirado em nossos mitos e lendas. Além de contos independentes, Andriolli é organizador da “Antologia Mitografias – Mitos Modernos”, onde assina um conto sobre a mula sem cabeça. Atualmente produz o próximo volume da antologia, dedicado aos Mitos de Origem.

               

              • Anna Fagundes Martino
                Anna Fagundes Martino

                Anna Fagundes Martino nasceu em São Paulo em 1981. Formada em Relações Internacionais pela Universidade de East Anglia (Reino Unido), é escritora, tradutora e editora da Dame Blanche, editora digital especializada em ficção especulativa. É autora de “A Casa de Vidro”, “Um Berço de Heras” e “Os Filhos do Pôr-do-Sol”.  Participará da mesa “Saindo do papel: os caminhos da publicação”, para discutir as possibilidades disponíveis para os novos autores para verem sua obra materializada.

                • Antônio Luiz M. C. da Costa
                  Antônio Luiz M. C. da Costa

                  Antonio Luiz M. C. Costa formou-se em engenharia de produção e filosofia, fez pós-graduação em economia e foi analista de investimentos e assessor econômico-financeiro antes de reencontrar sua vocação na escrita, no jornalismo e na ficção especulativa. Além de escrever sobre a realidade na revista CartaCapital, é autor da série de romances Crônicas de Atlântida, de dezenas de contos e novelas e de livros de não ficção publicados pela Editora Draco.

                  • Bárbara Rolim
                    Bárbara Rolim

                    Bárbara Rolim é publicitária formada pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP). Escreveu o artigo “O imagético vitoriano e a produção do saber sobre a sexualidade em The Handmid’s Tale”, publicado na primeira edição da Fantástika 451, baseado em sua pesquisa para o trabalho de conclusão de curso que realizou em sua graduação, “O bio-poder de Foucault em The Handmaid’s Tale”.

                    • Camila Fernandes
                      Camila Fernandes

                      É escritora, preparadora e revisora de textos. Publicou “Reino das Névoas” e “Contos Sombrios” e foi ganhadora, por duas vezes, do prêmio Hydra, da Orson Scott Card’s InterGalactic Medicine Show. Também publicou contos nos livros Necrópole – histórias de vampiros (2005), Necrópole – histórias de fantasmas (2006), Visões de São Paulo – ensaios urbanos (2006), Necrópole – histórias de bruxaria (2008), Paradigmas – volumes I, II e III (2009), Extraneus II – Quase Inocentes (2011), A Fantástica Literatura Queer – Vermelho (2011), Erótica Fantástica (2012) e Bestiário: outras criaturas (2013). Como Mila F., publica seus trabalhos como ilustradora.

                      • Carol Chiovatto
                        Carol Chiovatto

                        Carol Chiovatto é escritora, tradutora, mestra e doutoranda em Estudos Linguísticos e Literários em Inglês na Universidade de São Paulo. É autora de “Mestres do conhecimento”, “A última feiticeira de Florença” e “Ecos de Maztah”.

                        • Carolina Mancini
                          Carolina Mancini
                          • Chaiene Santos
                            Chaiene Santos

                            Chaiene Santos é vencedor do Prêmio #Wattys em português – Livros mais Populares. Autor do único livro em português a alcançar mais de 1 milhão de leituras do Wattpad, tem 54 mil seguidores orgânicos e é também o primeiro escritor em português contratado por #WattpadStudios e #WattpadFutures. Autor da trilogia Filhos do Tempo e de diversos outros livros de literatura fantástica, mora na região serrana do Rio.

                            • Clara Madrigano
                              Clara Madrigano

                              Clara Madrigano é escritora, jornalista, revisora e tem formação em Produção Editorial. É dona da editora digital Dame Blanche, que publica ficção especulativa, e já teve contos lançados pela editora Draco, pela revista Trasgo e também no segundo volume da coletânea de sci-fi feminista Universo Desconstruído. É autora de “As boas damas: Uma novela de Sherlock Holmes”. Em 2014, foi uma das finalistas premiadas de um concurso de roteiros promovido pelo produtor da BBC John Yorke.

                              • Cláudia Fusco
                                Cláudia Fusco

                                Cláudia Fusco é jornalista e foi a primeira brasileira a cursado mestrado em Estudos de Ficção Científica, na Universidade de Liverpool, na Inglaterra. Pesquisadora do fantástico, já ministrou cursos na USP, Casa do Saber e Museu da Imagem e do Som (MIS-SP).

                                • Cláudia Pucci Abrahão
                                  Cláudia Pucci Abrahão

                                  Autora da fantasia Mistérios da Bússola Azul, também publicou Campo de Transe, Canto da Terra e Broto da Terra. Formou-se em Comunicação Social pela ESPM e em Cinema pela ECA/USP, especializando-se em direção teatral pela Escola Superior de Artes Célia Helena. Diretora de curta-metragens e documentários, foi residente do Royal Court Theatre, em Londres.

                                  • Clinton Davisson
                                    Clinton Davisson

                                    Jornalista e escritor de ficção científica brasileiro, é o atual presidente do Clube de Leitores de Ficção Científica do Brasil, cargo que ocupa desde 2011.

                                    Pós-graduado em Afrocartografia – Cultura Africana e Indígena no Brasil e no mundo, também é mestre em Comunicação na área de Cultura, Narrativas e Produção de Sentido na Universidade Federal de Juiz de Fora.

                                    Foi um dos idealizadores da Jedicon, a convenção anual de Guerra nas Estrelas no Brasil. Recebeu o prêmio Nautilus da Revista Sci-fi News Contos em 2001 com a noveleta Hegemonia: Schowlen.

                                    • Cristina Lasaitis
                                      Cristina Lasaitis

                                      Cristina Lasaitis é biomédica; estou biologia molecular do câncer e neurociências. É também revisora de textos, tradutora, escritora – é autora do livro “Fábulas do Tempo e da Eternidade” e co-organizadora da antologia de contos fantásticos LGBT “A Fantástica Literatura Queer”.

                                      • Daniel Renattini
                                        Daniel Renattini
                                        • Dávila Pontes
                                          Dávila Pontes

                                          Dávila Pontes é Designer Gráfica formada pela PUC-Rio, integrante da Aliás – Selo Editorial, colaborando no Design Gráfico, oficinas e experimentações artísticas. Além disso, integra a equipe do escritório carioca “Sense Design & Comunicação”, atuando no desenvolvimento de Identidade e Comunicação Corporativa. Colabora também com Agô Yá – Produções Audiovisuais na Identidade visual e peças gráficas. Participa do grupo (crew) de grafiteiras “Manadart” formado por mulheres de diferentes idades e experiências, que se conheceram na Oficina Afrograteiras, desenvolvida pela Rede Nami, na cidade do Rio de Janeiro.

                                          • Deborah Happ
                                            Deborah Happ

                                            É escritora e roteirista. Formada em Midialogia, pela Unicamp, e Mestre em Estética e História da Arte, pela USP. Atualmente, é organizadora da Fantástika 451. Escreve em vários lugares na internet – a primeira versão da novela Carrega meu Cadáver e outras coisas no blog www.felimpropano.blogspot.com.br. Teve contos selecionados pela Revista Raimundo e Revista Gueto. Publicou as zines Buraco e Vendo Lençol Manchado de Todos os Meus, além de ter participado das antologias Curva do Rio, da Editora Giostri, e Carne de Carnaval, da Editora Patuá.

                                            • Diego Guerra
                                              Diego Guerra

                                              Diego Guerra é formado em Produção Editorial e em roteiro pela Academia Internacional de Cinema. Publicou a fantasia “O Teatro da Ira” e “O gigante da guerra” (2016), um romance fantástico. Também organizou a antologia “Grimdark Brasil: Reinos Sombrios”.

                                              • Eduardo Peret
                                                Eduardo Peret

                                                Carioca, sagitariano, jornalista, analista/assessor de comunicação do IBGE, doutorando em Sociologia pelo IFCS-UFRJ, escritor e pai de gatos. Co-autor dos cenários de D&D/D20 Ravenloft e Scarred Lands, pela Sword and Sorcery (EUA/Canadá, 1999-2005) e Equinox, pela Jambô (2005).

                                                • Fábio Fernandes
                                                  Fábio Fernandes

                                                  É autor de “Os Dias da Peste”, “A Construção do Imaginário Cyber” e “No Tempo das Telas” e tradutor de dezenas de livros, entre os quais “Laranja Mecânica”, “Neuromancer” e “A Era das Máquinas Espirituais”. Foi um dos primeiros brasileiros selecionados para o prestigiado Clarion West Writers Workshop (2013). É membro da Science Fiction Research Association, da International Game Developers Association, da British Science Fiction Association e da Horror Writers Association. Tem textos acadêmicos e de ficção publicados em vários países. Tem doutorado em Comunicação e Semiótica pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2008) e pós-doutorado na ECA-USP (2012) e é professor assistente mestre da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, no cursos de Tecnologia em Jogos Digitais.

                                                  • Fábio Kabral
                                                    Fábio Kabral

                                                    Fábio Kabral é autor dos romances “Ritos de Passagem” e “O Caçador Cibernético da Rua 13“. Ator formado pela Casa das Artes de Laranjeiras, estudou Letras na UFRJ e na USP. É um dos fundadores do site “O Lado Negro da Força“ e palestrante de temas relacionados a afrofuturismo, afrocentricidade, candomblé, literatura fantástica, cultura pop e criação literária. Iniciado no candomblé e filho de santo do terreiro “Ilê Oba Às̩e̩ Ogodo“.

                                                    • Felipe Castilho
                                                      Felipe Castilho

                                                      Felipe Castilho é autor de livros de fantasia. Famoso pela série O legado folclórico, que une mitologia brasileira com o mundo dos videogames, lançada pela editora Gutemberg. Foi indicado ao Prêmio Jabuti pelo quadrinho Savana de pedra. Seu primeiro livro pela Intrínseca, “Ordem Vermelha: Filhos da Degradação”, ficou no topo dos mais vendidos na categoria Fantasia na Amazon.

                                                      • Filipe Laredo
                                                        Filipe Laredo

                                                        É editor na Editora Empíreo e já trabalhou em grandes editoras como Globo Livros e Novo Século. Formado em Direito e Produção Editorial, é crítico literário no site Papo de Homem e apresentador de literatura na Rádio Geek. Desde 2014 organiza a Feira Literária do Pará (FliPa). Em 2016 fundou a Casa do Livro para coordenar cursos e paletras envolvendo o mercado editorial e literário. Em 2017 iniciou seu Mestrado em Literatura e Crítica Literária na PUC-SP. Em 2017 fundou a Casa do Saber Fantástico.

                                                        • George Amaral
                                                          George Amaral

                                                          Publicitário, mestre em Teoria Literária pela Universidade de São Paulo (FFLCH-USP), com a dissertação Novo estranhamento e consciência política: gêneros literários em Perdido Street Station, de China Miéville. É especialista em Roteiro Audiovisual pela PUC-SP. Sua pesquisa aborda as possibilidades de reflexão crítica proporcionadas pelo estranhamento inerente ao fantástico. Atua como designer, ilustrador e roteirista. Integrante do Fantástika 451.

                                                          • Gerson Lodi-Ribeiro
                                                            Gerson Lodi-Ribeiro

                                                            Escritor carioca graduado em Engenharia Eletrônica e Astronomia pela UFRJ, publicou duas noveletas na versão brasileira da Asimov’s: a FC hard “Alienígenas Mitológicos” e a história alternativa “A Ética da Traição” que abriu as portas do subgênero no fantástico lusófono. Autor das noveletas premiadas “O Vampiro de Nova Holanda” e “A Filha do Predador”, dos romances “Xochiquetzal: uma Princesa Asteca entre os Incas”, “A Guardiã da Memória”, “Aventuras do Vampiro de Palmares”, “Estranhos no Paraíso” e “Octopusgarden”, além de diversas coletâneas. Também foi editor de várias antologias, entre elas “Phantastica Brasiliana”, “Como Era Gostosa a Minha Alienígena!”, Vaporpunk, Dieselpunk, Solarpunk”. Fora da literatura fantástica, publicou “Vita Vinum Est!: História do Vinho no Mundo Romano”.

                                                            • Gianpaolo Celli
                                                              Gianpaolo Celli

                                                              Autor do romance “Conspiração Steampunk” (no prelo), organizador e coautor dos livros “Steampunk Tale Colection”, “Criminal”, “Retrofuturismo”, “Cyberpunk – Histórias de Um Futuro Extraordinário”, “Steampunk – Histórias de Um Passado Extraordinário”, “Necrópole – Histórias de Bruxaria”, “Histórias do Tarô”, “Necrópole – Histórias de Fantasmas”, “Necrópole – Histórias de Vampiros” e co-autor dos livros “Paradigmas Definitivos”, “Extraneus 1 Medieval Sci-Fi”, “Paradigmas 3” e “Visões de São Paulo”.
                                                              É formado em administração de empresas com ênfase em marketing pela PUC e pós-graduado no SENAC em gastronomia no curso Cozinheiro Chef Internacional, é também leitor crítico, tradutor e editor.

                                                              • Gisele Mirabai
                                                                Gisele Mirabai

                                                                Gisele Mirabai ganhou o 1º Prêmio Kindle de Literatura com seu romance “Machamba”, cujo prêmio foi a publicação do livro pela Nova Fronteira. Tem quatro outros livros publicados, dentre eles “Guerreiras de Gaia” (Global), um livro de literatura fantástica adotado por diversas escolas de Brasil, e “Nasci pra ser Madonna”, menção honrosa no concurso de literatura infanto-juvenil da CEPE. Além de escritora, é atriz, roteirista de cinema e tevê. Estudou Artes Cênicas na UFMG, cinema na London Film Academy e é pós graduada em Literatura pela UFF. É roteirista e diretora do longa documentário “Homem Livre”, além de vários curtas premiados, em que assina o roteiro, a direção e também atua.

                                                                • Glória Celeste de Brito
                                                                  Glória Celeste de Brito
                                                                  • Ian Fraser
                                                                    Ian Fraser

                                                                    Formado em Cinema e Vídeo, seu primeiro romance, “O Sangue É Agreste”, venceu o Prêmio Jovem Autor Inédito pelo Selo João Ubaldo Ribeiro. O romance, um faroeste brasiliense repleto de experimentalismo formal, é o primeiro capítulo na trilogia os livros do sertão. Publicou “Araruama” pela Editora Moinhos, por meio de uma campanha de financiamento coletivo, e também escreveu e produziu a peça “A Máquina Que Dobra o Nada”, vencedor do Prêmio Braskem de Teatro  na categoria Melhor Espetáculo Infantojuvenil.

                                                                    • J. M. Beraldo
                                                                      J. M. Beraldo

                                                                      J. M. Beraldo, nome artístico de João Marcelo Beraldo é escritor de ficção científica e game designer brasileiro. Beraldo estudou história e desenho industrial. Em 2005, publicou seu primeiro romance, “Véu da Verdade”, logo em seguida, foi contratado para trabalhar no jogo Taikodom da Hoplon Infotainment, além de participar da produção do jogo, escreveu o romance “Taikodom: Despertar”. Foi o único latino americano a chegar na terceira rodada do concurso RPG Superstar 2009, da editora Paizo Publishing. Em 2015, lançou o livro “Império de Diamante”, primeiro romance da série Reinos Eternos.

                                                                      • Jana P. Bianchi
                                                                        Jana P. Bianchi

                                                                        É escritora e colaboradora do Clube de Autores de Fantasia e do Pacotão Literário. Nas horas (não) vagas, é engenheira de processos industriais. Publicou a novela Lobo de Rua em 2015, pela Dame Blanche. Desde então, vive metade do tempo com a família em Paulínia (SP) e a outra metade na Galeria Creta, um antro dos submundos de São Paulo onde a realização de qualquer desejo está sempre em estoque.

                                                                        • Jéssica Gabriele Lima
                                                                          Jéssica Gabriele Lima

                                                                          Jéssica Gabrielle Lima é ilustradora e escritora. Formada em Letras, trabalha como mediadora de leitura e revisora de textos. Brinca e mexe com cores e palavras. Em 2015, publicou o título [eu não me movo de mim], pela editora Substânsia. Participou das duas primeiras edições do Ilustra Porto, mostra de artes de alunas(os) e ex-alunas(os) do Porto Iracema das Artes e da mostra Rizoma (exposição coletiva em Pelota/RS). Também é integrante d’ARMININA, coletivo de mulheres artistas do Ceará.

                                                                          • Jim Anotsu
                                                                            Jim Anotsu

                                                                            Escritor e tradutor, cursou Literatura Inglesa na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), no estado onde, em 1988, ele nasceu. Pela Gutenberg, lançou os livros “A batalha do acampamonstro”, “Rani e o sino da divisão”, “A vingança de Herobrine” e “A espada de Herobrine” – os dois últimos baseados no universo de Minecraft. Antes disso, teve dois livros publicados, “Annabel & Sarah” e “A Morte é Legal”, ambos pela editora Draco.
                                                                            Jim também foi um dos organizadores do Manifesto Irradiativo e estará falando dele na mesa “A jornada de mil herois: coletivos literários, literatura colaborativa e formação de leitores”. Para assistir, acesse: www.benfeitoria.com/casafantastica

                                                                            • Johann Heyss
                                                                              Johann Heyss

                                                                              É escritor, músico e tradutor. A primeira fase de sua carreira foi voltada para livros de ocultismo com vários livros publicados no Brasil, Alemanha, França, EUA, Rússia e República Tcheca, mas a partir de 2010 Johann passou a se dedicar em ficção, poesia e biografias. Seu primeiro romance A Fada do dente (2015, Amazon) apresenta a magia sob uma ótica contemporânea e irônica. já no segundo Às Vezes o Buraco é Mais Embaixo (2017, Editora Patuá) o autor se afasta completamente da temática esotérica e concentra seu olhar no comportamento e nas mentes de jovens urbanos. Seu último romance, Crianças no Abismo, é uma fantasia sobre mundos paralelos, a magia e o inexplicável 1980.

                                                                              • Ju Lund
                                                                                Ju Lund

                                                                                Ju Lund é autora gaúcha de romances para jovens adultos e de fantasia, como a trilogia queer Doce Vampira e o livro “Não sei se te amo”. Quando não está escrevendo, lendo ou brincando com seu filho, Ju gosta de relaxar assistindo filmes ou séries de TV comendo chocolate amargo e em boa companhia.

                                                                                • Karen Alvares
                                                                                  Karen Alvares

                                                                                  Karen Alvares é um dos expoentes de literatura de terror e suspense psicológico no Brasil. Iniciou há cinco anos a carreira literária, com livros autopublicados e publicados a convite de editoras, e já conquistou prêmios em alguns de seus contos publicados em antologias e romances, com destaque para o Celebrando Autores Independentes, da Amazon, na Bienal do Livro São Paulo 2016. Autora de Alameda dos Pesadelos (Cata-vento, 2014) e de Inverso e Reverso (Draco, 2015 e 2016), vive em Santos/SP.

                                                                                  • Lady Sybylla
                                                                                    Lady Sybylla

                                                                                    Fã e entusiasta da ficção especulativa, especialmente, da ficção científica. Escritora, mantém o blog Momentum Saga. Geógrafa e professora de geografia de formação, mestra em Ciências, com ênfase em Paleontologia e Bioestratigrafia. Cadete da frota estelar, lutando para as mulheres dominarem o mundo.

                                                                                    • Lidia Zuin
                                                                                      Lidia Zuin

                                                                                      Escritora da série de e-books REQU13M, Lidia Zuin é jornalista, mestre em semiótica e doutoranda em artes visuais pela Unicamp. Head do núcleo de inovação e futurismo da UP Lab, trabalhou para a Rockstar Games e tem textos publicados na Folha de S.Paulo e Syfy. Atualmente também é pesquisadora de tendências em tecnologia para a Envisioning e atua como freelancer na área de produção de conteúdo e pesquisa em futurologia. Administra a página Ponto Ômega no Facebook, que tem como objetivo a divulgação científica e de ficção científica. Como palestrante, teve passada por eventos como Virada Empreendedora, bem como também ministrou um talk no TEDxMauá 2017.

                                                                                      • Liziane Menezes
                                                                                        Liziane Menezes

                                                                                        Liziane Menezes é mestre em Literatura Comparada pela Universidade Federal do Ceará, trabalha como professora do curso de Letras/Espanhol na Universidade Estadual do Ceará, é pesquisadora no âmbito da literatura latino-americana.

                                                                                        • Lu Ain-Zaila
                                                                                          Lu Ain-Zaila

                                                                                          Autora da Duologia Brasil 2408: (In)Verdades e (R)Evolução, é pedagoga e moradora de Nova Iguaçu. Aprendeu que estar no futuro é direito do povo negro também e por isso pensa e escreve como afrofuturista.

                                                                                          • Má Matiazi
                                                                                            Má Matiazi

                                                                                            Trabalha profissionalmente com ilustração desde 2011. Também é escritora, roteirista, quadrinista e cantora. Autora dos livros “Três”, “O Feiticeiro”, vol. 1 e 2, atualmente segue publicando o livro “Ovelha negra” no Wattpad e a webcomics “O Abismo”. Sua graphic novel “Morte Branca” foi indicada ao Prêmio HQMIX na Categoria Publicação Independente Edição Única.

                                                                                            • Marcelo Paschoalin
                                                                                              Marcelo Paschoalin

                                                                                              Marcelo Paschoalin é o autor de Regência de Ossos, A última Dama do Fogo, Eriana – Filha da Morte e Vida, Anel Elemental: o Legado, 1887: Sob o sol do Novo México, Anel Elemental: a Nova Era, Aventura e Magia, The Someone Gem (em inglês, a quatro mãos) e Dark Fate (em inglês). Realizou 6 campanhas de financiamento coletivo pelo Catarse com sucesso, pelas quais lançou seus livros de tarô, RPG e druidismo. Psicólogo, escreve onde estiver em seu tablet e costuma dizer que sua profissão é ser escritor, tendo como hobby o trabalho diário.

                                                                                              • Marina Ávila
                                                                                                Marina Ávila

                                                                                                É CEO da Editora Wish, focada em literatura nórdica, europeia e contos de fadas. Formada em Produção Editorial, é também designer e capista de livros de autores como como Carrie Ryan, Elizabeth Scott, Simone Elkeles, Rachel Caine, Cherie Priest, Julie Kagawa, Lauren DeStefano, Jim Butcher, Kate Evans, Nicholas Sparks e Carrie Jones.
                                                                                                Marina estará na mesa “Coletâneas no Brasil: oportunidades e desafios das edições colaborativas”. Para assistir, acesse: http://benfeitoria.com/casafantastica.

                                                                                                • Mário Bentes
                                                                                                  Mário Bentes

                                                                                                  É jornalista, escritor e editor. Escreve desde o 12 anos, mas começou de fato a carreira como autor em 2008, em antologias literárias. Desde então, foram dezenas de participações como inscrito e convidado – entre elas a coletânea “O Corvo”, da editora Empíreo.
                                                                                                  Publicou os livros “A terra por onde caminho” (2013), “Minhas conversas com o diabo: livro um” (2016) e o pocket book “EXO” (2017). Fundou, há quase quatro anos, a Lendari, editora especializada em realismo mágico, fantasia, dark fantasy, ficção científica, terror e horror.

                                                                                                  • Martha Argel
                                                                                                    Martha Argel

                                                                                                    Martha Argel é escritora de literatura fantástica e também bióloga com doutorado em ecologia de aves. Autora de “O livro dos contos enfeitiçados”, “O vampiro de cada um”, “Relações de sangue” e “Lugar de mulher é na cozinha”.Também tem vários livros científicos sobre aves publicados.

                                                                                                    • Matheus Ferré
                                                                                                      Matheus Ferré
                                                                                                      • Melissa de Sá
                                                                                                        Melissa de Sá

                                                                                                        Melissa de Sá é autora da distopia Metrópole e de diversos contos de fantasia, ficção científica, terror e mais tudo que envolve outros mundos fantásticos, como as distopias “O silêncio do mundo” e “3 passos no caos”. Participou também do projeto “A Última Tourada”, sendo a autora do livro infantil que tem mais de 51 mil downloads.

                                                                                                        • Miguel Sanchez Neto
                                                                                                          Miguel Sanchez Neto

                                                                                                          Autor de “Chove sobre minha infância”, publicado pela Editora Record em 2000 e traduzido para a língua espanhola, publicou desde então mais 15 livros. Entre eles, “Chá das cinco com o vampiro” (Objetiva, 2010), “A segunda pátria” (Intrínseca, 2015) e “A bíblia do Che” (Cia das Letras, 2016). É também docente da UEPG (Universidade Estadual de Ponta Grossa) e doutor em Teoria Literária pela Unicamp. Escreve para a Gazeta do Povo e a Revista Carta Capital.

                                                                                                          • Nikelen Witter
                                                                                                            Nikelen Witter
                                                                                                            É autora dos romances Territórios Invisíveis (Estronho, 2012; Avec, 2017); Guanabara Real e a Alcova da Morte (Avec, 2017) e Viajantes do Abismo (inédito). Publicou inúmeros contos em coletâneas e foi finalista dos prêmios Argos e Hydra. Historiadora de formação, Doutora em História Social pela UFF e professora da UFSM, a escritora é agenciada, desde 2016, pela Increasy Consultoria Literária.

                                                                                                             

                                                                                                            • Oscar Nestarez
                                                                                                              Oscar Nestarez

                                                                                                              Oscar Nestarez é escritor e pesquisador da ficção literária de horror – possui Mestrado em Literatura e Crítica Literária pela PUC-SP e atualmente cursa Doutorado pela FFLCH-USP. Publicou “Poe e Lovecraft: um ensaio sobre o medo na literatura” (ed. Livrus, 2013), as antologias “Sexorcista e outros relatos insólitos“ (ed. Livrus, 2014) e “Horror adentro” (ed. Kazuá, 2016), e o romance “Bile negra” (ed. Empíreo, 2017). Também é colunista da Revista Galileu e apresentador do programa “Criador de Mundos”, da Rádio Geek.

                                                                                                              • P. J. Pereira
                                                                                                                P. J. Pereira

                                                                                                                PJ Pereira é escritor, autor da trilogia best-seller Deuses de Dois Mundos, que lhe rendeu o Prêmio Luiza Bairros pela contribuição à cultura africana no Brasil. Nascido e criado no Rio de Janeiro, sempre foi fascinado pelas tradições religiosas do Nordeste, de onde vieram seus avós. Daí saiu a inspiração para seus livros. Como publicitário, ganhou um Emmy, produziu longa-metragens e webséries, e é o único brasileiro com quatro Grand Prix no festival de Cannes. Mora na Califórnia com a mulher e o filho.

                                                                                                                • Pietra Von Bretch
                                                                                                                  Pietra Von Bretch

                                                                                                                  Pietra Von Bretch é formada em Letras pela UERJ, em Teatro pela Escola Martins Pena (RJ) e em enfermagem pela UNIRIO. Escritora, poeta, atriz, roteirista, geek e fundadora/editora da PVB Editorial. Co-fundadora do Grupo de Teatro Apotecarius. É autora dos livros “Incertos Boêmios”, do conto “Advogado do Diabo”, de “Evolução” (distopia/fantasia) e da série Dark London (fantasia urbana; Dark Fantasy). Pela PVB Editorial, organizou as antologias “Virada do Ano” e “Basta!”. É também coautora dos livros “Poesia Feminina: a arte de ser mulher”, Sem Fronteiras pelo Mundo” e do “Poetize 2017”.

                                                                                                                  • Priscilla Lhacer
                                                                                                                    Priscilla Lhacer

                                                                                                                    Organizadora da Casa Fantástica e editora chefe da Presságio Editora, que editou a coleção de literatura fantástica Infinitos Mundos com o patrocínio do ProAc – Programa de Ação Cultural do Governo do Estado de SP. É economista, tem doutorado em finanças e estuda o panorama do mercado editorial, especialmente da ficção nacional.

                                                                                                                    • Priscilla Matsumoto
                                                                                                                      Priscilla Matsumoto

                                                                                                                      É formada em Produção Cultural pela UFF e em Roteiro Cinematográfico pela Escola de Cinema Darcy Ribeiro. Foi, por dez anos, dramaturga e figurinista da companhia teatral que fundou com os amigos. Largou a faculdade de moda, mas se divide entre a costura e a escrita. Suas inspirações vão de Albert Camus ao grupo CLAMP, passando por Haruki Murakami e Anne Rice. Seu primeiro romance “Conto Noturno da Princesa Borboleta” foi finalista do Prêmio SESC de Literatura, Edição 2011/2012. Em 2015, seu livro “Ball Jointed Alice – Uma História de Amor e Morte” foi lançado pela Editora Draco.

                                                                                                                      • Renata O. do Prado
                                                                                                                        Renata O. do Prado

                                                                                                                        Jornalista, radialista, mercadóloga e leitora voraz. É apaixonada pelos escritores russos e por literatura fantástika. Graduada em Comunicação Social pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), estudou Comunicação em Mídias Sociais na Faap. Trabalha com produção de conteúdo para Internet e social media desde 2011. Em cursos livres, estudou cinema com o Inácio Araújo; construção de narrativas longas e romances com o Fábio Fernandes e narratividades com Rodrigo Petrônio. Responsável pelas mídias sociais do Fantástika 451. Na Casa Fantástica representaráo coletivo Fantástika 451 na mesa sobre coletivos literários.

                                                                                                                        • Rodrigo Van Kampen
                                                                                                                          Rodrigo Van Kampen

                                                                                                                          Rodrigo van Kampen é escritor, editor da Revista Trasgo e redator publicitário e foge de moto nos fins de semana. Já publicou em coletâneas da Aquário, Draco e em publicações independentes. É autor de Trabalho Honesto, um cyberpunk com sacis, cucas e lobisomens. Mora em Campinas com sua esposa, filha e uma vira-lata, escreve em viverdaescrita.com.br e pode ser encontrado no Twitter como @rodrigovk.

                                                                                                                          • Rosana Rios
                                                                                                                            Rosana Rios

                                                                                                                            Rosana Rios é escritora, ilustradora, arte-educadora e roteirista. Trabalhou por um tempo como ilustradora numa empresa, tornou-se roteirista do programa Bambalalão da TV Cultura, em 1988, iniciou a carreira literária, tambem roteirizou o programa Agente G da Rede Record e histórias em quadrinhos Disney publicadas pela Editora Abril, em 1997, ao lado de Maria Silvia Gonçalves, escreveu a série de Jogos de RPG – Português em Outras Palavras”, publicados pela Editora Scipione. Em 2006, lançou pela Devir, o livro “Senhoras dos Anéis”, a obra analisa as mulheres na série de livros O Senhor dos Anéis de J.R.R. Tolkien, no ano seguinte, publicou pela Editora Scipione, o livro “HQs – Quando a Ficção Invade a Realidade”. Em 2011, publicou pela editora Panda Books, o livro Enciclonérdia – Almanaque de Cultura Nerd, co-escrito como irmão, Luiz Flávio Fernandez[5]. Em 2012, trabalha novamente com roteiros de histórias em quadrinhos, adaptando as óperas Aída, de Giuseppe Verdi, A Flauta Mágica, de Mozart e O Guarani de Carlos Gomes e o ultimo livro chamado O Enigma de Iracema (essa última inspirada no romance homônimo de José de Alencar) para a coleção “Ópera em quadrinhos” da Editora Scipione.

                                                                                                                            • Sabine Mendes Moura
                                                                                                                              Sabine Mendes Moura

                                                                                                                              Sabine Mendes Moura é autora de Incompletos, distopia lançada pela Presságio Editora em 2017, e de By The Way – Havia um Inglês no Caminho. É também roteirista, atriz, tradutora, revisora e doutora e mestra em linguística pela Puc-Rio.

                                                                                                                              • Santiago Santos
                                                                                                                                Santiago Santos

                                                                                                                                Santiago Santos é escritor, tradutor, jornalista e tereréficionado. Nasceu em Blumenau mas mora em Cuiabá desde moleque, desenvolvendo constantes táticas pra fugir do sol e do mormaço. Publica drops no flashfiction.com.br desde 2013 e lançou seu primeiro livro em 2016, Na Eternidade Sempre é Domingo, uma aventura pé na estrada carregada da história e da mitologia dos Incas. Já publicou ficção em antologias, blogs e revistas. É um dos editores do site cultural mato-grossense Ruído Manifesto. Algazarra, sua primeira coletânea de drops, sairá em 2018 pela editora Patuá.

                                                                                                                                • Sarah Helena
                                                                                                                                  Sarah Helena

                                                                                                                                  Sarah Helena é escritora e artista plástica. Autora de Alma e a Tempestade (no prelo), é assessora cultural do Sesc SP. Foi colunista do Minas Nerds e representante titular da sociedade civil do Conselho Municipal de Cultura de Mauá para o biênio 2014/2015.

                                                                                                                                  • Waldson de Souza
                                                                                                                                    Waldson de Souza

                                                                                                                                    Waldson Gomes de Souza é mestrando em Literatura na Universidade de Brasília pelo Programa de Pós-Graduação em Literatura (PósLit), com dissertação em andamento intitulada “Afrofuturismo: autoria negra na literatura especulativa brasileira contemporânea”. Possui graduação em Letras pela Universidade de Brasília e atualmente é pesquisador da mesma instituição, vinculado ao Grupo de Estudos em Literatura Brasileira Contemporânea (GELBC). Publicou, entre outros, “Ficção especulativa escrita por mulheres negras.”, “Considerações iniciais sobre Afrofuturismo e literatura especulativa.”, “Cidade de Deus Z: apocalipse zumbi e crítica social.” e “A literatura especulativa na crítica brasileira contemporânea.”

                                                                                                                                    • Wallace William de Sousa
                                                                                                                                      Wallace William de Sousa